Técnica FUE

Técnica FUE

O implante capilar com a técnica FUE (Follicular Unit Extration) é moderno e minimamente invasivo, sendo utilizado nas maiores clínicas de implante capilar pelo mundo. Nesse procedimento, o Dr. Calixto usa um instrumento de alta precisão para remover da área doadora as unidades foliculares uma a uma e implantar no local desejado.

Quais as vantagens da técnica FUE?

- Implante capilar sem cicatriz linear.

- Pós-operatório indolor com retorno rápido às atividades.

- Resultados naturais.

- Permite a retirada de fios da barba e do tórax para implantar na região desejada.

- Pode ser feito em pacientes que não apresentam boa elasticidade na região doadora, o que é requisito para a realização da técnica FUT (transplante com necessidade de extração de uma faixa de couro cabeludo).

- Ideal para pequenas áreas de calvície, cobertura de cicatrizes e falhas no couro cabeludo ou barba.

- Indicada para pacientes com áreas doadoras muito ralas, nas quais a cicatriz da técnica FUT ficaria muito evidente.

Como é feito o implante capilar com a técnica FUE?

No implante capilar com a técnica FUE as unidades foliculares são removidas uma a uma da região doadora após uma anestesia local. Em seguida, essas unidades são transplantadas individualmente para a área receptora. Como o folículo é implantado com sua raiz, o fio passa a crescer normalmente no local desejado, como se fosse naturalmente dessa região.

A cabeça do paciente será raspada antes do procedimento para criar um melhor acesso às unidades foliculares. Tipicamente, o cabelo da área doadora é aparado curto de modo que o médico possa ter melhor visibilidade para trabalhar sobre o couro cabeludo, bem como cada folículo doador.

Nesse procedimento, o Dr. Calixto trabalha com o auxílio do equipamento mPCID ou PCID que possui alta performance robótica e ótima flexibilidade. A técnica e experiência do Dr. Calixto permite o implante capilar em pontos e linhas anatômicas, proporcionando resultados naturais e a densidade ideal de fios.


Área doadora no dia seguinte à cirurgia feita com a técnica FUE e 15 dias após o procedimento.

Implante capilar com FUE Robótico


mPCID ou PCID: Aparelho automático, robótico, computadorizado e flexível

O aparelho mPCID ou PCID foi escolhido pelo Dr. Calixto por ser um equipamento automático, computadorizado, robótico e flexível. Diferente do robô ARTAS que é uma opção usada por diversas clínicas de implante capilar, o mPCID possui um punch metálico oco e muito fino, que varia em diâmetro de 0,8 a 0,9 mm de espessura, utilizado para colher as unidades foliculares. Isso significa que ele permite ao paciente uma recuperação mais rápida.

Outra vantagem desse aparelho está na sua capacidade de extrair cabelo de regiões laterais, barba e tórax, ampliando a área doadora. O mPCID também é capaz de realizar a extração de cabelos brancos e grisalhos, ao contrário do ARTAS.

Implanters

O Dr. Calixto utiliza implanters, que são instrumentos responsáveis por introduzir as unidades foliculares no momento do implante capilar com a técnica FUE. Eles evitam que as unidades sejam traumatizadas durante a manipulação.

Seu formato de seringa permite que o cirurgião controle a profundidade das agulhas durante o enxerto. Esse instrumento garante maior agilidade no implante capilar na região temporal, coroa e barba. Com o auxílio de punches de 0,8 a 0,9 mm de diâmetro, o sangramento é reduzido e a unidade é colocada na profundidade ideal.

Apesar do uso dos implanters elevar o custo do implante capilar com a técnica FUE, as vantagens são muito maiores, os resultados são mais naturais, a cicatrização é rápida e as unidades foliculares ganham maior proteção durante o procedimento.

Por que escolher o Dr. Calixto para fazer a técnica FUE?

Saiba Mais

Deseja fazer o implante capilar com a técnica FUE?

Faça Sua Avaliação On-Line